sábado, 12 de maio de 2007

[história 021: Ele tá mostrando o negocio professora]

Eu tinha que contar essa história, escutei-a na sala dos professores ontem de manhã. Sala de professores é o melhor lugar para saber fofoca de alunos. Que isso não saia daqui e dei-lhe liguá nos coitados.
- nomes e matérias escolares serão trocados -
Pois bem, essa história aconteceu assim: A professora de português estava corrigindo os trabalhos nos cadernos de cada aluno por vez, de cabeça baixa ela chamava o aluno de acordo com a ordem da caderneta de presença e revisava os textos que eles tinham produzindo, de repente chegou uma menina, usando as próprias palavras da professora, branca igual um papel oficio recém tirado do pacote. A aluna aproxima-se e chama a atenção da professora, que logo percebeu o estado pré-catatônico da criatura.

A aluna: "Professora João tá mostrando o negocio lá no fundo!"
A professora: "O negocio? Que negocio Maria?"
A aluna: "O negocio professora!"
A professora: "Assim fica difícil Maria, se você não me disser que negocio é esse eu não vou poder fazer nada."
A aluna [vermelha feito pimenta madura]: "João tá mostrando o pênis lá no fundo da sala professora."

A professora coitada nos contou que ficou pasma na hora, sem palavras, como assim? Mostrando o pênis, isso tudo por que o menino só tem 14 anos de idade, agora imagine o quanto de hormônio essa criatura não tem loucos para sair e ganhar o mundo, esse menino deve ter hormônio saindo até pelo nariz. A professor percebendo que o caso era "grave" e que o menino não fazia a minima questão de fingir que não tinha motrado o pênis para as colegas, mandou a criança falar com a diretora [azarado!] conversam, conversaram, conversaram o menino não voltou mais na aula da professora. Mas não pensem que parou por aí, o menino recebeu uma advertência verbal e voltou as atividades normais do dia escolar dele, quando foi mais tarde na hora do intervalo uma menina abaixou-se pra amarar o cadarço do tênis, ficou naquela posição que dizem que Napoleão perdeu a guerra, por azar dela [coitada!] quem estava atrás? João, o tarado! João veio por trás e deu uma acochada menina que a mãe da coitada da menina sentiu cócegas nos fundilhos lá na casa, por azar de João que nesse dia só podia estar com a pomba gira no corpo uma das disciplinadoras [aquelas mulheres que ficam rodando as escola o tempo todo pra ver se a gente tá fazendo danuria] viu e contou para a diretora, que por sua vez chamou o menino na sala dela de novo, conversam, conversam e fico que o menino só entraria na escola no outro dia se viesse acompanhado da mãe ou do pai.
Quando o menino saiu a disciplinadora que já sabia o que ele tinha feito na sala de aula perguntou o que ele tinha, o que ele tava sentindo, porque ele estava agindo daquela maneira. O menino respondeu que tinha uma coisa presa dentro que ele queria colocar pra fora, uai deu medo.
Pra finalizar a história no outro dia a mãe do menino apareceu na escola e escutou o caso inteiro da boca da própria diretora, na presença da professora e da disciplinadora, a única coisa que a mãe do menino disse foi: "Mesmo todos vocês me falando eu não acredito que meu filhinho fez isso."
É de querer morrer não?! como diz o velho ditado: "O pior cego é aquele que não quer ver". A mãe do menino ficou de sobre aviso de que se repetisse isso de novo ele seria suspenso da escola.

O que eu tiro de lição disse: Graças a Deus eu na sou mais professor e graças Deus eu não sou professor do taradinho da caatinga, imagina se esse menino invoca de querer me comer aqui nessa sala de 5X7 m².

Cada coisa viu ... vou te contar!

7 comentários:

  1. [ Prefiro Fazer Um Comentario Ozado :D ]
    Assim.. Numa Sala De 5x7 m² Aih.. Me Deixa...Eu Pegava Ele Numa De 1 M².
    [ Ele Contendo Meus requisitos ]
    [ Ops... Esqueçi Que Sou SandY* Retire o Que Falei...]
    uHAuHAUHAuAHUAhuhua...



    Sandy* - enviado em 10/5/2007 00:12:00

    ResponderExcluir
  2. Putz eu odeio esse tipo de mãe! Conheço algumas assim. E minha colega que é pedagoga conta cada coisa tbm... ainda bem que eu desisti de ser professora e mudei de faculdade hahaha... ta ainda bem nada... mas de qualquer jeito eu não levo jeito pra coisa xD

    Nana - enviado em 4/5/2007 19:32:00

    ResponderExcluir
  3. Huahuahuahuahua, adorei a história, principalmente da parte q vc diz q ele tm hormônios saindo pelo nariz... Huahuahuahua, quase caí da cadeira aqui em ksa ^^

    Vc tm um talento nato para contar histórias!

    Mil bjs e bom fds =*


    Juh - enviado em 4/5/2007 00:30:00

    ResponderExcluir
  4. Obrigada!;)



    - enviado em 2/5/2007 21:39:00

    ResponderExcluir
  5. Cuidado com o taradinho heim
    asauhsuahsuahushaus

    adorei as histórias.
    :*


    Liliany Aparecida PEreira - enviado em 2/5/2007 18:49:00

    ResponderExcluir
  6. É, realmente professor sofre... passa por cada uma... acho que cada um deve ter milhões de histórias hilárias...


    Eliana - enviado em 2/5/2007 15:02:00

    ResponderExcluir
  7. huahuahauhau
    esse e o cumulooo
    solta esse minino no meio de um monte de cadela no Ciu q ele fica doidoooo

    ResponderExcluir

agora me conte você…